terça-feira, 19 de maio de 2009

EU NÃO PROMETERIA TANTO,MAS...



Já ouvi o Moacir Franco prometer a sua amada, que lhe daria o céu, a terra o mar. Eu não prometeria tanto, mas para agradar um “cristão” eu me prontificaria a organizar um loby no intuito de conseguir modificar o nosso calendário.


Para tanto bastaria uma regressão até o ano de 1582, invocar o papa Gregório XIII e solicitar dele uma segunda edição modificada da Bula Pontíficia “Inter Gravíssima” ( a primeira tratou da reforma do calendário que levou o seu nome e que chegou até nós, conhecido como Gregoriano) determinando a observância da tradição do inicio do Cristianismo, haja vista, que era assim que se vivia: Sábado (Sabbatum), dia de descanço; Domingo ( Dies Dominica), dedicado ao Senhor e nos dias subseqüentes: Feria Secunda, Feria Tertia, Feria Quarta, Feria Quinta e Feria Sexta, nada de trabalho pois sabe o que Feria (Feira), que vem de “Feriaes” significa? “Feriado”!Que vida mansa teríamos, hem?


De uma coisa eu garanto: teríamos mais tempo para pensar, o resto Deus proveria, Jesus mesmo disse: “! Olhai os lírios do campo como eles crescem; não trabalham nem fiam e eu vos digo que nem mesmo Salomão, com toda a sua glória, se vestiu como um deles”.


O que a gente não imagina por um “cristão”,né não? Mas, que fique dito: não é nada preguiçoso, trabalha pra lá da conta, só detesta a segunda e gosta da vida descompromissada ao ar livre. Mas esse meu cristão merece, isto e muito mais!


Principalmente por ter sido capaz de me proporcionar um domingo tão singular e surpreendente quanto o de ontem.

Um comentário:

Chica disse...

Que bom que teu domingo foi bem legal e podes agtradecer...beijos e tudo de bom,chica