quinta-feira, 24 de setembro de 2009

ALÉM DO ARCO ÍRIS




Basta-me um pequeno gesto,feito de longe e de leve,para que venhas comigo

e eu para sempre te leve...(Cecilia Meireles)


Ah, se os nossos problemas se derretessem como expressa a crença infantil de que o céu magicamente abrirá uma porta de um lugar onde os problemas se derretem como em gotas de limão ( Where trouble melts like lemon drops – Somewhere Over the Rainbow)


Imaginemos pois, céu azul por sobre o arco íris e por que não pássaros azuis sobrevoando e confundindo-se com esse azul do céu? É você não desejando um pote de ouro no fim desse arco íris, mas sim, que os sonhos sonhados se realizem. Só, que sonhos são quimeras e a vida é verdade e tem tantos mistérios...


Costumo vez por outra parar para pensar sobre eles. Nem sempre tenho respostas, ou melhor, nunca as tenho. Há momentos que não sei nem para que se vive! Embora seja consciente de mim e das minhas ações e que busco os meios para alcançar a felicidade, o bem estar, sem contudo me servir do próximo como escada.


Nessas horas é que me valho da Filosofia, que é o perguntar sobre, é questionar a fim de encontrar uma resposta segura para o agir.


É querer saber como e porque para melhor viver.


E colocando em tudo isso todo o amor meu, a quem dedico a você, você e você.

Um comentário:

Chica disse...

Viver melhor é viver com simplicidade e alegria nas pequenas coisas.Ver os arco-íris que surgem, depois das chuvas ou tempestades, é uma boa foram...beijos,chica