quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

NA MINHA JANELA UM PÁSSARO

A imagem “http://www.guabi.com.br/pet/passaros/img/passaros.jpg” contém erros e não pode ser exibida.


NA MINHA JANELA
UM PÁSSARO FERIDO
ARREDIO
AS MINHAS MÃOS
NÃO O TOCARAM
PERMITIU
QUE EU LHE FALASSE
NÃO SEI AO CERTO
SE ME OUVIA
SE ME ENTENDIA
SÓ SEI QUE PERMANECIA
NA MINHA JANELA
ORA CANTANTE
ORA SILENTE


NA MINHA JANELA
UM PÁSSARO
TESTANDO SUAS ASAS
E ASSIM COMO CHEGOU
ASSIM PARTIU
CURADO?
SEI NÃO...
SÓ SEI QUE VOÔ
DA MINHA JANELA VAZIA
O
VI SUMIR... SUMIR... SUMIR...
SÓ ME RESTOU
FECHAR A MINHA JANELA
E DEIXAR DE PENSAR
NO PÁSSARO

Um comentário:

Paulo de Poty disse...

Poeta, poeta.... seu pássaro me fez lembra do "Corvo" de Allan Poe;
Lindo!